Para unir entidades estaduais, municipais e federais que atuam durante a temporada de verão, foi realizada uma reunião de trabalho nesta quinta-feira, 23, na Secretaria de Estado de Turismo, Cultura e Esporte. De acordo com o secretário Filipe Mello, a intenção de reunir esses órgãos foi criar a oportunidade para que cada um mostrasse o que foi feito durante o ano e o que será providenciado para garantir segurança e tranquilidade no verão. “Estamos criando um grande grupo de trabalho e queremos que esta seja a melhor temporada de todos os tempos”, afirmou.

Entre as medidas divulgadas pela Secretaria de Turismo está a parceria com o Corpo de Bombeiros para capacitar os guarda-vidas civis para que atuem como agentes de turismo, dando as informações necessárias aos visitantes. “Em 2014 investimos R$ 12 milhões na contratação e capacitação de 1.200 guarda-vidas civis”, informa.

O secretário também anunciou a criação de um Centro de Monitoramento para acompanhar a prestação de serviços executados por outros órgãos, como fornecimento de água, energia elétrica e limpeza de praias e balneários, entre outros. Ainda durante a reunião, Mello pediu atenção especial das prefeituras, para que reforcem a infraestrutura e cuidem de questões como tratamento de esgoto, coleta de lixo, urbanização, trânsito e espaços de saúde.

Estiveram presentes representantes da SOL, Santur, Deinfra, Dnit, Celesc, Casan, SSP, Bombeiros, Polícia Militar, Polícia Civil, Capitania dos Portos, Infraero, Conselho estadual de Turismo, trade turístico e consulados além de prefeituras e SDRs.

Fornecimento de água

Conforme o diretor da Casan, Laudelino Bastos, a companhia está monitorando os problemas de falta de água no Sudeste do Brasil e espera que Santa Catarina receba muitos turistas, especialmente do Rio de Janeiro e São Paulo, que virão em busca de locais onde o fornecimento permanece normalizado. “Só em Florianópolis, investimos R$ 15 milhões na estruturação da rede de abastecimento”, informou.

Também deve ser lançada em breve uma campanha educativa para o uso racional da água.

Segurança Pública

A segurança pública será reforçada em praias, balneários e demais locais que recebem grande fluxo de visitantes, tanto pelas Polícias Civil, e Militar, como pelos Bombeiros e Polícia Rodoviária. “Como tem acontecido em todos os anos, aumentamos o efetivo em locais onde há mais pessoas”, afirmou o delegado geral da Polícia Civil, Aldo Pinheiro D’Ávila.

Só a Policia Civil, por exemplo, mobilizará 615 policiais em 36 municípios para o reforço das delegacias nas cidades onde há maior movimentação turística. O investimento será de R$ 4,5 milhões.

O Corpo de Bombeiros também está atuando: além dos 1.200 guarda-vidas civis, serão disponibilizados mais 400 guarda-vidas militares, com atendimento em 155 praias e balneários de 34 municípios.

Estradas

Dnit e Deinfra informaram que estão providenciando obras e intensificando a manutenção nas estradas e rodovias. Segundo o Dnit, uma das obras mais importantes na BR-101, a conclusão da segunda pista no trecho no Morro dos Cavalos, deve ficar pronta até o começo de dezembro.


Raquel Santi 
Assessoria de Imprensa 
Secretaria de Estado do Turismo, Cultura e Esporte - SOL

Post A Comment: