Foto: Divulgação
Visto por mais de 3 milhões de pessoas, o espetáculo é considerado um dos melhores espetáculos circenses do mundo.

Quem tentou comprar ingressos para as primeiras cadeiras do espetáculo Universo Casuo, no dia 11 de junho, única apresentação em Florianópolis, no Centrosul, não conseguiu porque este espaço está reservado para os alunos da Apae da capital, que nos últimos tempos têm sofrido com questões que envolvem repasses de verbas para manutenção das rotinas da unidade. A mais recente é sobre a suspensão do transporte dos alunos.

Universo Casuo é um dos maiores espetáculos circenses do mundo e tem à frente o brasileiro Marcos Casuo, que por oito anos foi o protagonista de Alegria, da companhia canadense Cirque Du Soleil. De origem humilde, Casuo, sempre pede aos produtores locais a contrapartida social. “Com rapidez e força, o circo sempre ultrapassará as fronteiras da imaginação, do impossível, confortando e ensinando o povo a sonhar e a sorrir”, destaca.

Paulistano, Casuo incentivou suas habilidades artísticas ainda na infância, quando iniciou a prática da expressão artística, capoeira, teatro, dança, artes plásticas e ginástica olímpica. Iniciou carreira na lona do ator Marcos Frota, em São Paulo, pouco depois de largar a vida de frentista em um posto onde era atração por entreter os fregueses com malabares.

Atuou com Frota durante nove anos até ser aprovado em audição do Cirque Du Soleil em 2000. Integrou a equipe do espetáculo Alegria durante oito anos, apresentando-se como personagem principal nas turnês realizadas em praticamente todos os continentes. Reis, rainhas, sheiks, grandes autoridades mundiais e artistas reconhecidos internacionalmente tiveram a oportunidade de aplaudir o talento do brasileiro. 

Considerado um dos melhores Clows do mundo, Marcos Casuo retornou ao Brasil em 2008 e criou sua própria companhia baseada em sua experiência profissional. “Era meu desejo levar o encanto do circo e ter o espetáculo inspirado em tudo o que eu acredito. A arte contribui para reforçar a imagem de que o circo é rico em sonhos, fantasias e alegria. O circo é único, onde podemos sonhar de olhos abertos”, comenta.

Universo Casuo é um produto em constante aprimoramento, resultado da incansável busca de seu idealizador pela perfeição do que é apresentado ao público. “Meus amigos e familiares não acreditavam que o Universo Casuo pudesse dar certo. Se tivesse escutado, talvez o Universo Casuo não teria saído da gaveta. O circo é uma locomotiva desenfreada, movida por alegria e aplausos, combustível fundamental para nós artistas, que desempenhamos muitas vezes o papel do maquinista, conduzindo com grande responsabilidade essa fábrica de sonhos. Por onde passamos, deixamos um rastro colorido de esperança e harmonia”, acrescenta e confirma o público de mais de três milhões de pessoas em mais de 600 exibições em diversos países.  

Sinopse
Universo Casuo retrata a história de um planeta paralelo multicolorido e onde tudo é possível. O personagem Clown percebe que a Terra, o Planeta Azul, o qual, antigamente esbanjava cores, está desbotada, quase sem cor. O palhaço resolve atravessar o portal, entrar nesse mundo para trazer de volta os sonhos, as fantasias e lhe garantir de volta suas cores vibrantes. No Universo Casuo, a língua oficial é o gramelô, uma linguagem distorcida e que induz o público a se teletransportar a esse novo mundo de resgate da magia, do amor e da felicidade.

Ingressos
O Centrosul foi dividido em quatro setores, quatro camarotes para 50 pessoas cada e um camarote Premium. Os ingressos podem ser comprados pela internet pelo site minhaentrada.com.br ou presencialmente na Escola Supera – Ginástica para o Cérebro e nas Lojas MultisomOs ingressos inteiros e meia entrada custam entre R$ 55 e R$ 275 por pessoa, dependendo do setor escolhido (incluída a taxa de serviço da internet).

Serviço
O que: Universo Casuo – apresentação única
Quando: 11 de junho, domingo
Onde: Centrosul – Florianópolis
Horário: 20 horas
Classificação: livre
Desconto para Clube do Assinante DC

Post A Comment: