Foto: Divulgação

As medidas de isolamento social e a suspensão dos transportes públicos fez com que formas alternativas de locomoção passassem a ser mais utilizadas, como os carros por aplicativo. Esses veículos, em grande parte, utilizam o Gás Natural Veicular, conhecido como GNV, para abastecimento, por ser mais econômico, de forma geral. 

Pensando nisso e após receber solicitações de motoristas desses serviços, o Procon da Prefeitura de Florianópolis iniciou, nesta segunda-feira, 4 de maio, uma intensa fiscalização em postos de combustíveis para conferir os preços cobrados e garantir que não houve um aumento injustificado dos valores por parte dos estabelecimentos. Neste primeiro momento, os postos do Continente e Centro foram visitados pela equipe do Procon.

“Tivemos sucesso nas fiscalizações relacionadas à gasolina, em que realmente verificamos que os estabelecimentos estavam praticando preço abusivo. Então, neste momento em que os carros de aplicativo são um meio de transporte indispensável em nossa cidade, não podemos deixar que seja feita qualquer cobrança indevida nos preços do GNV” explica o gerente de fiscalização do Procon da Prefeitura de Florianópolis, Rodrigo Cássio. 

Caso o consumidor deseje realizar uma denúncia, pode entrar em contato pelo telefone (48) 3131-5300 ou pelo e-mail fiscalização.procon@pmf.sc.gov.br.

Post A Comment: